Nota informativa

Nota informativa acerca dos dados pessoais

Somos o Amor em Teoria – um blog recreativo com caráter pessoal, com contacto através do e-mail amoremteoria@gmail.com. Podemos proceder à recolha e tratamento de alguns dados pessoais, no âmbito de:

  • Informação ou produtos que possamos ter e querer divulgar ou vender, e na medida em que os titulares dos dados estejam neles interessados;
  • Informação que nos possa ser solicitada através do e-mail amoremteoria@gmail.com.

Porque respeitamos os dados que nos fornece, queremos que tome conhecimento de algumas informações importantes acerca da forma como os utilizamos.

  1. Que dados pedimos, com que fundamento e finalidade, e qual os respetivos períodos de retenção?

Os dados que recolhemos servem para lhe podermos fazer chegar aquilo que nos pede, independentemente da forma como tal é feito – esclarecimento de dúvidas via e-mail, newsletters, e-books promocionais, livros ou outros produtos e serviços que, no âmbito do tema do blog, entendamos poder ir ao encontro do nosso público e pelos quais este demonstre interesse.

Sobre os dados recolhidos – identificação, fundamento, finalidade e tempo de retenção – informamos o seguinte:

  • Nome – para o poderemos identificar e dirigir correspondência, digital ou física. Fá-lo-emos:
    • Com o seu consentimento, em caso de serviços oferecidos (newsletters e eb-books promocionais). Neste caso a retenção será feita por tempo indeterminado e será terminada quando o titular de dados o retirar;
    • Com base no âmbito contratual ou pré-contratual, caso nos coloque alguma questão ou encomende algum produto ou serviço. Neste caso a retenção será feita por um mês após o esclarecimento ou a aquisição;

O preenchimento deste campo é obrigatório.

  • Morada – para lhe podermos enviar o produto que nos solicitou, cumprindo a nossa parte no contrato. A retenção será feita por o período de um mês após a aquisição e o preenchimento deste campo é obrigatório no caso de encomendas físicas.
  • E-mail – para podermos dirigir-lhe contactos nos seguintes termos:
    • Com o seu consentimento, em caso de serviços oferecidos (newsletters e eb-books promocionais). Neste caso a retenção será feita por tempo indeterminado e será terminada quando o titular de dados o retirar;
    • Também no âmbito pré-contratual ou contratual, para podermos responder às suas questões ou, no que respeita a encomendas efetivas, tratar de assuntos relacionados com pagamentos, envios e outras que deste processo possam surgir. Neste caso a retenção será feita por um mês após a aquisição e preenchimento deste campo é obrigatório no caso de encomendas físicas.

Os dados só serão tratados para os fins aqui descritos.

 

  1. Pelo facto de termos os seus dados, nomeadamente o seu e-mail, vamos passar a enviar-lhe a nossa newsletter, quando e se a implementarmos?

Não; só se nos manifestar a sua vontade livre, específica, informada e explícita, de forma inequívoca e positiva, ou seja, se nos der o seu consentimento na respetiva checkbox a disponibilizar apenas para esse efeito.

Embora pudéssemos considerar do nosso legítimo interesse o envio de newsletters para titulares de dados que procederam à encomenda de alguns dos nossos produtos e serviços, optámos por não o fazer.

 

  1. Quem é o responsável pelo tratamento dos seus dados pessoais e quem lhes acede?

As responsáveis pelo tratamento dos seus dados pessoais somos nós, as criadoras do blog pessoal Amor em Teoria – Maria Beatriz Costa e Maria João Lambertini. Sendo um projeto pessoal, só nós temos acesso a todos os dados recolhidos e comprometemo.nos a fazê-lo com toda a segurança, nomeadamente na limitação de acesso às plataformas abaixo descritas. Os seus dados não serão guardados de outras formas que não as descritas neste documento.

 

  1. A quem fornecemos os seus dados pessoais?

Não forneceremos os seus dados pessoais a terceiros.

A recolha dos dados é feita através para a seguinte plataforma:

  • Googlesheets, que tem a sua declaração de cumprimento do RGPD aqui
  1. Sabe quais são os seus direitos, enquanto titular de dados pessoais?

Como titular de dados, poderá exercer, se e quando entender, os direitos de acesso, retificação, apagamento, limitação do tratamento, portabilidade e oposição ao tratamento.

Para tal, deverá contactar-nos para a morada referida no início deste documento.

 

Advertisement